Psicanalista Diz Que A Sociedade Ocidental Está Doente e Rumo a um Colapso

http://www.businessinsider.com/a-psychoanlytic-guide-to-the-financial-crisis-2012-6

Gus Lubin|13 de junho de 2012, 6:48 AM

O cara que inventou a psicanálise                     en.wikipedia.orgen.wikipedia.org

A sociedade ocidental tem se comportado neuroticamente nos últimos vinte anos e precisa ser curada.

O professor Mark Stein chegou a  essa conclusão em uma psicanálise da crise financeira (via Steve Kenn).

Os sintomas de negação, onipotência, triunfalismo e hiperatividade se manifestaram em reação a uma série de crises, a queda da União Soviética, os japoneses e da Ásia / LTCM crises, quando o Ocidente não reagiu com cautela, mas sim pelo risco crescente :

Eu acredito que essas rupturas causaram uma grande ansiedade entre esses líderes, mas que, em vez de prestarem atenção às lições destas crises, esses líderes reagiram com loucas, onipotentes e triunfantes tentativas de comprovar a superioridade de suas economias perante as vulnerabilidades expostas por essas rupturas.Portanto, essa reação acarretou a destruição e ocultação das informações e o desmantelamento dos sistemas regulatórios de alerta, bem como a criação de mitos tranquilizadores como a “ grande moderação ”, os quais levaram a uma cultura em que correr maiores riscos passou a ser visto como justificável. Eu defendo que essa cultura louca foi influenciada pela reação vitoriosa do Ocidente ao colapso do comunismo. Sustento que as condições para a crise de crédito de 2008 foram instauradas a partir desse fato.

Stein alerta que continuar por este caminho vai conduzir ao colapso:

Se a crise financeira de 2008 surpreendeu-nos, devemos lembrar que essa não foi a primeira vez que um sistema econômico e social foi estabelecido a partir dos escombros da loucura e do triunfalismo. Escrevendo no século 5 AC, o historiador grego Tucídides relatou como a onipotência dos atenienses –  bem como seu desejo de triunfar sobre a inimiga Esparta – levou a grande civilização de Atenas ao desastre (Tucídides, 1972). Em meu esforço para seguir a tradição estabelecida por Tucídides, espero que, ao analisar e tentar compreender a história, eu possa dar alguma contribuição literária que nos ajudará a aprender com o passado. Apesar de ter demonstrado que a nossa cultura é sutilmente e inconscientemente influenciada por forças que geralmente temos compreensão e controle limitados, espero que nosso entendimento dessas questões de algum modo sirva para diminuir o poder dessas forças no futuro.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: