A Implantação do Estado Policial no Rio de Janeiro XVIII

Quais as verdadeiras razões da Ocupação das Favelas ?

Parte 17 –

A EXTINÇÃO DA PM-RJ

Rorschachbr
PlanetaPrisão
01 de Novembro de 2017

A extinção da Polícia Militar do Rio de Janeiro é questão de tempo.
Não significa a anarquia total na área de segurança pois já estão em curso as mudanças para a substituição dos policiais por tropas federais.

A razão é principalmente de ordem econômica, essa corporação é um dos maiores ralos da verba do governo estadual. É claro que podemos relatar os vários recentes escândalos de corrupção e afirmar que existe dinheiro para a polícia. Mas também não se trata dessa perspectiva. Estou me referindo a inutilidade da corporação se analisarmos a crua realidade:

A POLÍCIA MILITAR DO RIO DE JANEIRO É UMA ENTIDADE QUE SERVE AO MAL

 

Continua…

 

 

 

2 Responses to A Implantação do Estado Policial no Rio de Janeiro XVIII

  1. Sempre Mais do MESMO disse:

    .
    Infelizmente o óbvio não é percebido e, mais infelizmente ainda, o ser humano arrebanhado não é capaz de PENSAR AUTÔNOMAMENTE, preferindo a algazarra como argumento. Como se o mais visível ou mais perceptível aos sentidos fosse mais verdadeiro. Exatamente por isso nas discussões prevalece a histeria, o grito, a algazarra e a ostentação visual e numérica em detrimento da qualidade.

    Nas ciências ocorre exatamente o contrário, visto que todos tem por objetivo A VERDADE e por tal todos tentam raciocinar logicamente, com axiomas e argumentos e não com a defesa de suas paixões e interesses.
    Não por acaso a TECNOLOGIA tem se mostrado cada vez mais prodigiosa. Enquanto a moral e a ética se tem mostrado um fracasso cada vez maior.
    A nova moral dá o bandido por vítima dos que prosperam, dados como algozes por não dividirem os frutos de seu trabalho com os ditos “excluídos”.
    Logicamente o banditismo e a canalhice se tem justificado sob a tese da exclusão numa “sociedade injusta”, conforme a moral ideológica estipula.

    O fato incontestável na tal história, é que há de fato uma disputa pelo poder de uns imporem sua vontade aos demais e assim SUBJUGA-LOS e EXPLORA-LOS: Sociedade SUBMETIDA à vontade do ESTAMENTO hierarquizado denominado GOVERNO.

    Ideologias SEMPRE tiveram por objetivo tornar a sociedade produtiva SUBMISSA aos GOVERNOS, que sempre IMPUSERAM seu ARBÍTRIO PELA FORÇA amparada em ideologias. Estas que sempre visaram convencer à OBEDIÊNCIA aos GOVERNOS, que SEMPRE PRIVILEGIAM a HIERARQUIA GOVERNAMENTAL.

    Sempre q governantes tentaram fazer concessões justas, a tendência foi serem contestados e derrubados pelo ESTAMENTO GOVERNATE HIERARQUIZADO.

    CONCLUSÃO nunca DIFUNDIDA:

    GOVERNOS TÊM POR OBJETIVO SUBMETER e EXPLORAR a SOCIEDADE PRODUTIVA e sempre se justificam em IDEOLOGIAS que prometem um FIM REDENTOR como OBJETIVO SUPREMO, para as sociedades que dominam e exploram.

    O SOCIALISMO é mais uma IDEOLOGIA que REIVINDICA o PODER ABSOLUTO PARA a HIERARQUIA ESTATAL. Advoga que o ESTAMENTO HIERARQUIZADO TEM DIREITO ABSOLUTO SOBRE TODAS AS CLASSES PRODUTIVAS. Sendo DEVER destas CLASSES PRODUTIVAS a OBEDIÊNCIA e o CUSTEIO do LUXO e CAPRICHOS do ESTAMENTO GOVERNANTE.

    O SOCIALISMO é SOMENTE MAIS UMA IDEOLOGIA que DEFENDE A EXPLORAÇÃO da SOCIEDADE PELO GOVERNO HIERARQUIZADO.

    – A HISTÓRICA LUTA de “CLASSES” é exatamente a LUTA do ESTADO CONTRA A SOCIEDADE PRODUTIVA.

    Vai daí q o Estado praticar a ARTE da GUERRA ensinada por SUN TZU:

    “DIVIDIR PARA DOMINAR” (Jogar uns contra os outros: pobre x rico, preto x branco, empregado x patrão, mulher x homem, gay x hetero e etc..)

    Vencer o inimigo SEM ENFRENTA-LO ABERTAMENTE, SEMEANDO A CIZÂNIA em seu meio p/ FAZÊ-LO LUTAR ENTRE SI e ENFRAQUECER-SE.

    Eis o Estado e a POLÍTICA!

    Clausewitz inverteu a realidade, não é a guerra a continuação da política, mas sim A POLITICA É A CONTINUAÇÃO da GUERRA POR OUTROS MEIOS.

    Clausewitz: “AGUERRA É O MEIO de FORÇAR os OUTROS a FAZER NOSSA VONTADE”.

    A GUERRA impõe através da FORÇA. A POLÍTICA o FAZ ATRAVÈS de ARDIS que corrompem e manipulam.
    Se a FORÇA domina FISICAMENTE, A POLÍTICA DOMINA PRIMEIRO A MENTE para obter a FORÇA ESTÁVEL.

    Guerra, inicialmente, era o meio de SUBJUGAR. Foi a política QUE SUCEDEU ESTE MÉTODO INSTÀVEL.

    – JJ ROUSSEAU sobre ser a justiça a vontade do mais forte:

    “O MAIS FORTE NÃO SERÁ SEMPRE O MAIS FORTE SE NÃO FIZER DA SUA FORÇA UM DIREITO E DA OBEDIÊNCIA UM DEVER”

    Este é o o MÉTODO IDEOLÓGICO. Ideologias SEMPRE atribuiram DIREITO ao GOVERNO e DEVER aos GOVERNADOS.

    Socialismo:

    IDEOLOGIA QUE DEFENDE O PODER ABSOLUTO PARA A HIERARQUIA GOVERNANTE SUBMETER E EXPOLORAR A SOCIEDADE PRODUTIVA.

    Quanto mais cresce o Estado, mais adeptos interesseiros este alicia.

    Somente a produtividade econômica foi capaz de dar sustento a um Estado cada vez maior.
    Quando a minoria for capaz de sustentar o luxo da hierarquia estatal, a SERVIDÃO SERÁ INEVITÁVEL:
    – Uma minoria de SERVOS estará perenemente SUBMISSA à HIERARQUIA ESTATAL TOTALITÁRIA.

    • rorschachbr disse:

      Prezado Mais do Mesmo,

      Obrigado por comentar antes mesmo do artigo. Você antecipou algumas coisas com uma linguagem sofisticada.
      Vou desenvolver o artigo sob uma perspectiva mais local (Rio de Janeiro) de modo que que seja compreendido por todos os que leiam saibam exatamente o que está e o que vai acontecer.
      Aguarde…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: